terça-feira, 6 de julho de 2010

adeus, tila
























Matilde Rosa Araújo. Senhora muito doce de olhos comovidos.
Já dela tínhamos publicado um poema.
Tantas histórias, tantos poemas. Tanto respeito e entendimento do ser criança.


















Aqui, um dos primeiros e o último. Os dois dedicados pela autora, um à avó e outro à neta.

Andamos há algum tempo em busca da versão musical da Tila (Lopes Graça-Bando dos Gambozinos), ao que parece esgotada. Alguém sabe onde encontrar?

2 comentários:

Elisabetha disse...

Na livraria da Civilização Editora, no Porto (Rua Alberto Aires de Gouveia,27). Não aparece na pesquisa do site, mas há no local. Já agora, conhece O Canto dos Bichos, também dos Gambozinos e da mesma editora, com poemas de Luísa Ducla Soares? É excelente.

pepino disse...

Muito Obrigado pela informação.